terça-feira, novembro 09, 2004

Urgência de um leitor da "Maria"

"Tenho uma urgência... e esta é das graves! Acreditem que há muitas
urgências, mas ser incontinente urinário e estar preso no metro não vem nada
a calhar. Bolas! Logo hoje é que tinha de me acontecer. Também... não sei
quem me manda vestir calças brancas em Dezembro. Agora não sei muito bem que
faça. O metro é de fole... das duas uma: ou fico aqui e serão sempre os
mesmos que se vão habituar ao odor ou vou ser um adepto da partilha e dividir
um pouco por todos. Quem diria? Logo tinha de aparecer na minha cabeça um
conflito de ideologias políticas neste momento... E agora? Tenho pelo menos
urgência em decidir se é Marx ou a economia de mercado que me guiam pelas
avariadas (e em breve fétidas) carruagens do Metro..."

Sem comentários: