domingo, novembro 13, 2005

Elizabethtown



Chegou pelas mãos de Cameron Crowe o filme que para mim foi uma das grandes surpresas deste ano cinematográfico.

Uma história simples, um elenco simples, uma fantástica fotografia, uma banda sonora excelente, tudo combinado com quantidades q.b. de comédia, drama, sensualidade, conservadorismo, vanguardismo, alegria, tristeza, tipicamente à american movie. Para não falar das fantásticas paisagens do Kentucky (que afinal não tem só Fried Chicken) e de alguns dos estados envolventes.

Pelo meio Orlando Bloom e Kirsten Dunst surpreendem, com papéis bem mais densos que em filmes em anteriores (se bem que o "Legolas" tem a sorte de figurar nos filmes que retratam o universo LOTR em que eu sou mais do que viciado...).

Como alguém que me é muito querido se referiu ao filme: "um filme complexo disfarçado de comédia romântica". Estão retiradas as palavras da minha boca...

Sem comentários: