segunda-feira, maio 24, 2004

Entrevista a Luiz Felipe Scolari



Com a aproximação do início do Euro 2004, o Oranginalidade associa-se à festa, e, como tal, é natural que vão aparecendo por aqui novidades sobre o assunto. Também é natural que nalguns dias não apareçam posts, já que nos associamos tanto à festa... e a festa às vezes dura até muito tarde no dia anterior...

Hoje trazemos um exclusivo, de uma entrevista concedida pelo seleccionador ao Oranginalidade. Esta é a primeira entrevista dada por Scolari desde que... desde que... o encontrámos ontem para o entrevistar!

Oranginalidade - Luiz Felipe Scolari, está contente por estar em Portugal?
Luiz Felipe Scolari - Eu tô muito feliz de estar aqui, junto a esse povo irmão, gente maravilhosa, cê sabe que o meu avô era português?
O - Ai sim? Curioso... o meu também. Passando à frente, como reage às críticas por não ter convocado Vítor Baía?
LFS - Bem, bem... Não tenho problema com isso. Sou eu que mando, eu é que convoco quem eu quiser...
O - Mas porque não convocou esse jogador?
LFS - Cara, eu te vou explicar, mas isso aí fica em "off-record", não é para publicar... Não convoquei o Baía, porque eu estou apaixonado por ele, e como ele é casado, eu me ia sentir mal tendo esse jogador tão perto.
O - E Boa Morte?
LFS - Lagarto, lagarto, lagarto! Como poderia eu convocar alguém com um nome desses? Ia dar azar na certa, cara.
O - E quais as expectativas para este Euro2004?
LFS - Olha, eu espero que finalmente me paguem, porque o Madaíu já não me passa cheque vai para três meses. Sei que são expectativas elevadas, mas pronto...
O - Só a título de curiosidade, costuma visitar o Oranginalidade?
LFS - Com certeza! Todos os dias, depois do site d'A Bola e do Record, leio esse blog, e de seguida o site d'O Jogo.
O - E para terminar, tem alguma mensagem que deseje enviar ao povo português?
LFS - Tenho sim! Que usem téni Nike... que bebam guaraná... e Coca-Cola, também podem beber...

Sem comentários: