sexta-feira, abril 30, 2004

Telemarketing Power



Os nossos serviços de espionagem que fazem inveja à CIA, ao MI-6 e à Mossad, interceptaram esta tarde uma conversa de telemóvel entre uma operadora de telemarketing e um senhor, que passamos a reproduzir... OT será a operadora e não Operação Triunfo, como pensaram quando viram a sigla... S será o senhor.

(Triiiiiiiiiiiiiiiim, Triiiiiiiiiiiiiiiiiiiiim)
S- Tou sim?
OT - Olá boa tarde! Daqui fala bxbxbxbxbxbxbx (nunca se percebe o nome da operadora... isto é um aparte, não estava na conversa, não foi a OT que disse) e gostava de lhe fazer umas perguntinhas sobre telecomunicações, pode ser?
S- Mas demora muito tempo?
OT- Não não... no máximo 5 minutos!
S- Ah, então diga lá...
OT- Então... o senhor tem telemóvel?
S- Não.
OT- E qual é a sua rede?
S- Eu não tenho telemóvel...
OT- Ah, pois é... desculpe... e qual é a marca do telemóvel?
S- Oiça, eu já lhe disse que...
OT- Ah, desculpe novamente, mas agora diga-me... o senhor gosta de sumos de pêssego?
S- Mas isto não era sobre telecomunicações?
OT- Era, era, mas temos aqui um desvio para outros produtos do nosso grupo empresarial, se as primeiras perguntas não forem aplicáveis...
S- Ah! Mas não, não gosto de sumos de pêssego.
OT- E como classifica de 1 a 10 o sumo de pêssego da Chatol, sendo 1 muito mau e o 10 muito bom?
S- Eu não gosto de sumos de pêssego.
OT- Hmmm, então não sei... E gostava de passar uma semana de férias completamente grátis no Algarve?
S- Mas como é que pode ser grátis?
OT- É uma gentileza nossa... mas só se me disser qual a marca do seu carro...
S- Tenho um Renault Laguna...
OT- E como classifica a condução do Peugeot 206?
S- Nunca conduzi nenhum...
OT- Mas como acha que era se conduzisse?

E pronto, não vos queremos roubar mais tempo, mas podemos informá-los de que esta conversa durou mais quarenta e oito minutos, com temas tão variados como os chocolates com caramelo, o aspirador de titânio e a cinta adelgaçante... Ah! E o senhor também não ganhou férias nenhumas, parece que não obedecia a todos os parâmetros necessários para receber essa oferta. É que calçava o 43 e eles só ofereciam as férias a homens carecas, que calçassem o 37 e usassem às terças-feiras uma camisa aos quadrados encarnados e brancos...

Sem comentários: